Petrobras decide suspender atividades das FAFENs na BA e em SE

petrobras

A Petrobras decidiu suspender as atividades de produção das Fábrica de Fertilizantes Nitrogenados (FAFENs) do estado da Bahia e Sergipe. Essas fábricas correspondem a produção de 20%de adubos nitrogenados no país.

O tema foi alvo de debate da Sessão Especial proposta pelo deputado estadual Eduardo Salles, realizada na última segunda-feira (17) na Assembleia Legislativa. A preocupação é que o encerramento das atividades da empresa coloque em risco a produção de fertilizantes nitrogenados e ureia pecuária.

“Tenho compromisso com o setor e acredito ser preocupante a possibilidade de encerramento das atividades das Fafens”, justificou o deputado, que ressaltou não ser defensor de estatizações ou estado grande, mas acredita que a produção de petróleo, energia e fertilizantes são estratégicos à economia nacional e não podem ser negligenciados pelo governo federal.

Entre outras preocupações que a paralisação das fábricas é que o setor fique completamente dependente da importação de fertilizantes nitrogenados. Outra reclamação do deputado é o preço do gás natural cobrado pela Petrobras para a produção da matéria-prima dos fertilizantes nitrogenados.

No último final de semana, a Petrobras anunciou a descoberta, em Sergipe e Alagoas, de seis campos de exploração que permitirão a exploração de 20 milhões de metros cúbicos por dia de gás natural, o que equivale atualmente a um terço da produção nacional.

Ficou acordado entre os participantes (Bahia e Sergipe) a elaboração de um documento para ser entregue ao presidente da República, Congresso Nacional e à diretoria da Petrobras mostrando os problemas que serão gerados à agropecuária nacional e apresentando propostas para manter o funcionamento das Fafens.

Fonte: Bahia Noticias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *